Rio de Janeiro, 450

cristo-redentor-ancoradouroO Rio é encantador. E lembro disso ao ver as festas de comemoração dos 450 anos desta cidade maravilhosa. Ainda que seja um local um tanto quanto mal tratado ao longo dessas quatro décadas e meia. Mas enfim, o Rio inspira.

E, ao menos para mim, um dos principais encantado Rio é amor que a cidade cativa de seus habitantes. Disso, recordo de uma passagem, durante a final da Copa de 2014. Um recorte de imagem – acho que inesperadamente inédito – fez o bar onde estava, em Santa Teresa, parar.

Que imagem!

O sol se pondo logo atrás do Cristo Redentor. E isso que nem apareceu o Maracanã abarrotado para a final da Copa logo ali ao lado. Tampouco os morros compondo o fundo, só o crepúsculo. Ah, o Rio.

Essa imagem, que encantou os turistas tão logo aparecer, fez até mesmo os garçons – e mais cariocas da gema – pararem. Se cutucarem, apontando a TV. Consegui fazer a leitura labial do comentário espantado de um dos garçons para o outro: “Que lindo”.

Como podia, mesmo ao longo de tantos anos depois, o Rio, um dos lugares mais fotografados do mundo, surpreender? Não sei, acho que ninguém ali sabia. Beleza não tem fim nesta maravilhosa cidade. Parabéns, Rio.

pao de acucar

Anúncios

Um pensamento sobre “Rio de Janeiro, 450

  1. Pingback: Rio, seu cafajeste | Telha do Tiago

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s