Domingo de tarde em Porto Alegre

Tá! Porto Alegre caminha para ter um trânsito caótico, é verdade. A malha viária está um tanto quanto esburacada. Há problemas deveras, como qualquer outra cidade. No entanto – e isso nunca vão tirar -, todos os dias o sol nos premia com a imagem abaixo, linda, perfeita, mesmo sendo capturada pelas lentes de uma réles câmera VGA de celular. 

Anúncios

5 pensamentos sobre “Domingo de tarde em Porto Alegre

  1. Me irritei contigo… Li dois posts teu e os dois reclamam do Transito… Quem me dera ter um carro pra me engarrafar todo dia… E outra… isso é o desenvolvimento… Ta mais fácil compra carro no país… É reflexo de uma economia aquecida, de DESENVOLVIMENTO… Infra-estrutura é um problema de todo o país… E parem de chora com esse “problema” do trânsito… Saco…
    Abração…

  2. Solução pro trânsito é transporte coletivo e acima de tudo, consciência das pessoas em utilizarem esse meio de transporte. Deixem o carro em casa.

    Porto Alegre é demais? hehehehe. Apesar de tudo, amo essa cidade!

  3. Porto Alegre é mesmo demais. Embora o trânsito também seja demais…

    E que grande bobagem isso que o Thales disse. Egoísmo é coisa séria, seu Thales!

    (desculpa comentar um comentário)

  4. As duas vezes que estive/passei por Porto fiz desabar dois temporais. Melhor não arriscar. Engarrafamento e chuva já basta aqui.

    O que eu queria mesmo entender é por que todo mundo começa a trabalhar no mesmo horário, hein? Vai dizer que comércio vende horrores da 8 às 9!
    A salvação será trabalhar em casa e comprar uma bici.

    Abração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s